Categorias
Educação liberal Educação/Ensino

Robert Hutchins: o que é a educação liberal?

No Prefácio do livro A General Introduction to the Great Books and to a Liberal Education, de Mortimer J. Adler e Peter Wolf, Robert M. Hutchins oferece uma breve introdução e explicação sobre o que é a educação liberal.

Disponível para empréstimo e leitura no The Internet Archives

Listando os pontos principais do pensamento de Hutchins:

  • A educação liberal NÃO É:
    • Especializada, vocacional, profissional ou pré-profissional, ou seja, não se destina a ensinar o homem a fazer alguma tarefa específica, não se destina a especializar o homem em alguma atividade, meio de vida ou profissão.
  • A educação liberal É ENTÃO:
    • Voltada para nos “tornarmos” sermos humanos
    • Para tirarmos o máximo proveito da capacidade humana
    • Para nossas responsabilidades como membros de uma sociedade democrática, como cidadãos
    • Para sermos membros valiosos de uma comunidade
    • Educação para liberdade
    • A que nos prepara para sermos homens livres
    • Para nos tornarmos o máximo de nós mesmos
    • Para pensarmos por nós mesmos
    • Para nos comunicarmos com os outros
    • Para nos tornarmos tão humanos quanto pudermos

Hutchins faz uma comparação interessante entre educação especializada e a educação liberal, quanto aos aspectos de comunicação e participação em uma comunidade. Para ele: a) quanto mais se especializa (em uma atividade, uma profissão) o homem aprende cada vez mais sobre o jargão de sua especialização e, de certo modo, perde a capacidade de se comunicar efetivamente: “[…] a man who knows more and more about less and less […]“; e b) quanto mais se especializa, o homem é, de certo modo, afastado da comunidade pois lhe faltam conhecimentos básicos em assuntos de cultura geral, em assuntos do bem comum.

Em resumo, pode-se dizer que a educação profissional especializa o homem cada vez mais, mas também diminui sua capacidade de se comunicar e de participar na comunidade; a educação liberal, ao contrário, não tem como objetivo fornecer ao homem nenhum meio de vida em específico mas, sim, capacitá-lo a ser um homem melhor, livre, que pensa por si mesmo e compreende seu papel e responsabilidade na comunidade.

E como obter essa educação liberal? Com os autores que escreveram as obras mais espetaculares de toda humanidade (Platão, Aristóteles, Newton, Kant, Hume, Leibniz, Euclides etc.), os Great Books of The Western World (não vou entrar em detalhes sobre os Great Books neste artigo, pois merecem uma discussão à parte).

Hutchins afirma que qualquer pessoa pode obter esse conhecimento, em estudos em grupo ou de forma individual, desde que você realmente esteja interessa em obter essa educação liberal, essa cultura superior, e preste atenção ao que os livros estão nos dizendo: “These books are teachers. They demand attention, but if the attention is given, they reward it. […] these are the books that have made the world in which we live, and it is impossible to understand that world without understanding the principal positions taken in them.

É fácil obter essa educação liberal? não, de modo algum. Hutchins e Adler, os editores dos Great Books, indicam planos com aproximadamente 10 anos de leituras e estudos. Esse tempo todo assusta mas coloque isso em perspectiva: se você começar aos 20 ou 30 anos, chegará aos 30 ou 40 anos com um conhecimento sobre o mundo absolutamente fantástico, que será útil para o resto de sua vida.

Enfim: essa é a educação liberal, a educação para a liberdade e para a vida.

Se tiver interesse, visite o Center for the Study of The Great Ideas, com um dos planos de leituras e estudos que você pode seguir.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *