Como comprar livros bons e baratos

As pessoas que me conhecem sabem que não ligo para nenhuma das coisas da “moda” atual, como telefones de última geração, carros novos, roupas chiques, sapatos bonitos nem nada parecido. Uma das poucas coisas que eu realmente gosto, faço questão de ter, tenho “paixão” e procuro sempre comprar são LIVROS.

Sim, livros mesmo… esses objetos de papel cada vez mais raros nas mãos dos estudantes atuais. Como eu não consigo entender como alguém consegue aprender qualquer coisa lendo em apostilas online, tablets, celulares ou computadores, sigo o caminho consagrado pela história: para aprender, eu leio livros. Vários deles. Cada vez mais.

A foto a seguir mostra minha biblioteca atual, fora os livros que emprestei e nunca mais voltaram (por isso não empresto mais!), e fora as várias dezenas de livros que minha esposa doou para um sebo (porque não cabiam mais em casa):

Obviamente fui construindo minha biblioteca aos poucos, desde 1990. E você, como você pode começar a montar sua própria biblioteca? Onde comprar os livros? Como economizar na compra? É possível comprar livros diretamente no exterior? Essas são algumas das questões que responderei a seguir para que você também consiga comprar bons livros, por um preço justo.

Vou explicar especificamente três coisas: 1) os fatores pessoais que você deve levar em conta ao montar sua biblioteca; 2) a possibilidade do uso de empresas de redirecionamento de carga; e 3) a minha “receita de bolo” para comprar livros.

1. Fatores pessoais importantes

Algumas características pessoais podem atrapalhar ou ajudar na compra “correta” de livros, principalmente: paciência, medo de edições antigas, medo de comprar livros usados, medo de comprar em sebos ou sites de leilão online, e o medo de comprar diretamente no exterior.

1.1. Paciência

É o fator decisivo para fazer uma boa compra de um livro. Se você está ansioso ou querendo comprar um livro o mais depressa possível, perderá dinheiro. Simples assim.

Eu cheguei a esperar mais de cinco anos para comprar um livro que eu queria muito, o “Clinical Epidemiology: The Architecture of Clinical Research“, de Alvan Feinstein (um clássico revolucionário de um dos autores mais importantes da área).

Por que eu esperei tanto tempo assim? Porque o preço dele em livrarias é um absurdo! No dia de hoje o preço desse livro na Amazon está quase 4 MIL reais (sim, é isso mesmo que você leu):

Preço: quase 4 mil reais, na Amazon

E por quanto eu consegui comprar esse mesmo livro? Por incríveis US$ 45,95 (cerca de R$ 230,00) de uma pessoa que resolveu colocar seu exemplar à venda em um leilão no eBay americano:

Comprei o livro por US$ 45,95 (cerca de 230 reais)

Eu acho totalmente válido esperar tanto tempo assim para economizar mais de R$ 3.700,00 (94% de economia). Bem, eu ainda tive que pagar o frete para o Brasil, mas vou falar disso adiante.

Claro que esse livro específico foi o que eu mais esperei. Eu nunca fiz uma medida exata mas, em média, estimo que o tempo de espera entre eu começar a procurar um livro e fechar a compra é de 4 a 6 meses. Alguns eu dou sorte e acho por um preço excelente em alguns dias, e outros eu preciso esperar bem mais.

Mas o ponto aqui é o seguinte: TENHA PACIÊNCIA quando você for comprar um livro, não compre na primeira oportunidade que aparecer. Pesquise em várias livrarias, sebos e sites de leilões (vou indicar os que eu uso). E o mais importante: aproveite o tempo de espera e faça uma poupança para a compra de livros. Simples assim!

E o que fazer se você precisa do livro “para ontem”? Peça emprestado de alguém, procure na biblioteca, se vire! Mas não compre na pressa!

1.2. Medo de edições antigas

Algumas pessoas perdem excelentes oportunidades para comprar livros pois só querem comprar a última edição lançada. Isso é um erro!

A edição mais nova, quase sempre, é basicamente igual à edição anterior. No geral é só uma ou outra seção diferente ou movida de um capitulo para outro.

Não cometa o erro de achar que edições antigas são servem mais! Servem sim, e são muito mais baratas. O preço da 5ª edição do livro “Discrete Mathematics with Applications“, da Susanna Epp, na Amazon, está mais de mil e setecentos reais:

Última edição: R$ 1.709,07

E sabe por quanto você consegue a 4ª edição em bom estado em um leilão? US$ 90,00 (cerca de R$ 450,00). É uma economia de mais ou menos mil e duzentos reais! Vale ou não vale a pena?

E note bem: a diferença entre a 5ª edição e a 4ª edição é absolutamente mínima! Você não perde nada em estudar por uma edição anterior. De fato, se você procurar, encontrará a 3ª edição do mesmo livro por cerca de US$ 30,00 (R$ 150,00)! E também não perderá nada ao estudar pela 3ª edição.

Portanto, NÃO TENHA MEDO DE COMPRAR EDIÇÕES ANTIGAS. Elas são tão boas quanto as mais novas e são muito mais baratas!

Claro que, em algumas áreas, a compra de edições antigas pode causar alguns problemas, por exemplo: um livro de medicina antigo não trará os tratamentos mais atuais e eficazes contra algumas doenças pois novos medicamentos são lançados anualmente no mercado. Mas em áreas nas quais não ocorrem grandes mudanças em períodos curtos de tempo, as edições antigas são fantásticas.

1.3. Medo de comprar livros usados

Outro problema ao comprar livros é o medo de comprar livros usados. Sim, às vezes é inconveniente você comprar um livro e ele chegar todo sublinhado, pintado com caneta marca-texto amarelo-berrante, em mal estado de conservação ou, pior, faltando páginas. Mas acredite: isso é raro!

As pessoas que vendem livros usados, principalmente em sites de leilão ou em sebos na internet, seguem um esquema clássico para indicar a qualidade o estado de conservação dos livros. Geralmente a classificação é a seguinte:

  • Brand New: um livro novo, que não foi aberto ou lido, em perfeitas condições, como se estivesse em uma livraria.
  • Like New: um livro que parece como um novo, mas já foi aberto e lido. A capa não tem nenhum dano e a sobrecapa para livros de capa dura (se for o caso) está presente. Não há páginas danificadas ou ausentes, não há dobras ou rasgos, não há nenhuma página sublinhada ou com marca-texto, e não há nada escrito nas páginas pelo dono anterior no livro (pode ter o nome do dono anterior e marcas mínimas de identificação na capa interna). O desgaste do livro é quase imperceptível.
  • Very Good: um livro que já foi lido e que não se parece com um livro novo, mas está em excelentes condições. Não há nenhum dano óbvio à capa e a sobrecapa para livros de capa dura (se for o caso) está presente. Não há páginas danificadas ou ausentes, não há dobras ou rasgos, não há nenhuma página sublinhada ou com marca-texto, e não há nada escrito nas páginas pelo dono anterior no livro (pode ter o nome do dono anterior e marcas mínimas de identificação na capa interna). O desgaste do livro é mínimo.
  • Good: um livro que já foi lido, não se parece com um livro novo, e está em boas condições. Pode haver danos mínimos à capa, incluindo marcas de desgaste, mas não há buracos nem rasgos. A sobrecapa para livros de cada dura (se for o caso) pode estar faltando. A maioria das páginas não está danificada, com o mínimo de dobras ou rasgos, o mínimo de sublinhados à lápis no texto, mas nenhum destaque com marca-texto e nenhuma escrita nas margens. Não há páginas ausentes.
  • Acceptable: um livro com desgaste óbvio. Pode ter algum dano aparente à capa, mas com a integridade ainda intacta. A encadernação pode estar ligeiramente danificada, mas a integridade ainda está intacta. Pode haver sublinhados, realces com marca-texto e escrita nas margens, mas não há páginas ausentes ou qualquer outro dano que comprometa a legilibilidade ou compreensão do texto.

Eu já comprei livros em todas as classificações acima e digo: são livros perfeitos para mim! Os vendedores classificam corretamente os livros pois são avaliados pelos compradores e, se não tiverem uma boa reputação, não conseguem vender nos leilões.

Claro que os livros na categoria “Acceptable” estão obviamente muito usados mas, às vezes, são verdadeiros tesouros, por exemplo: eu consegui comprar um exemplar de 1926 do “Advanced Calculus“, do Frederick Woods, um livro rarríssimo de encontrar, na condição “Acceptable”, e o livro está perfeito:

Também consegui a edição de 1928 do “Elementary Calculus“, do Frederick Woods, também raro de econtrar:

As vezes conseguimos ótimos livros até por livros novos, por exemplo: comprei o “What the Best College Teachers Do“, de Ken Bain, por US$ 8.50:

Livros que não existem aqui no Brasil são encontrados em sites de leilões e sebos por um bom preço, por exemplo: consegui comprar o “The Turing Omnibus: 61 Excursions in Computer Science“, de Dewdney, por cinco dólares, e o “The NEW Turing Omnibus: 66 Excursions in Computer Science“, do mesmo autor, por menos de cinco dólares:

O ponto aqui é: NÃO TENHA MEDO DE COMPRAR LIVROS USADOS, os vendedores são honestos (pelo menos todos que eu já tive contato) e indicam exatamente o estado do livro. Não tenha medo de livros classificados apenas como “aceitável” ou “bom” pois, geralmente, estão perfeitos para estudarmos.

Como a maioria dos vendedores coloca fotos do livro, é fácil ver se ele está em um estado que você considere adequado. Eu nunca me arrependi de comprar um livro usado!

1.4. Medo de comprar em sebos e leilões online

Não há dúvidas de que passar algumas horas em uma boa livraria, folheando e lendo trechos de vários lívros, é uma experiência única. Quando eu morava em São Paulo, em 2002/2003, um dos meus programas preferidos era passar as tardes de domingo nas lojas da Livraria Cultura, no edifício do Conjunto Nacional, na Avenida Paulista.

Aqui no Espírito Santo não há tantas opções assim e, infelizmente, as livrarias atuais são bem “comerciais”, ou seja: só têm os livros que estão “na moda”, mas quase nada de outros livros. Isso não é ruim, é apenas como as coisas são para que possam sobreviver na selva de pedra do ambiente hostil ao empresário no Brasil.

Mas isso nos força a buscar alternativas para encontrar os livros que precisamos e, nesse quesito, não há nada melhor do que sites de leilões e sebos online. Os sites que eu sempre consulto para comprar são os seguintes:

Sites de leilões:

  • eBay (https://www.ebay.com): ótimo para encontrar bons livros e preços justos, desde que você tenha paciência para esperar aparecer a melhor oferta;
  • Mercado Livre (https://www.mercadolivre.com.br): não é tão bom como o eBay, tem menos variedade de livros e os preços costumam ser um pouco mais altos do que o eBay, mas tem vantagem de poder comprar de alguém aqui no Brasil;
  • OLX (https://www.olx.com.br): parecido com o eBay, mas com ainda menos opções. Mas vale a pena procurar.
  • Enjoei (https://www.enjoei.com.br): comprei aqui só umas duas ou três vezes porque, por pura sorte, alguém de São Paulo apareceu vendendo uns livros de Lisp que eu queria comprar.

Sebos online:

  • AbeBooks (https://www.abebooks.com): o melhor sebo internacional que eu conheço, já comprei vários livros aqui. Os preços são ótimos e o estado dos livros é muito bom!
  • Estante Virtual (https://www.estantevirtual.com.br): o melhor sebo brasileiro que eu conheço, já comprei vários livros aqui também. Os preços são um pouco mais altos do que você encontraria no AbeBooks ou no eBay mas, em compensação, você está comprando aqui no Brasil e o frete é muito barato.

Livrarias gerais:

Livrarias especializadas:

Apesar de já ter comprado livros em todos os sites que indiquei acima, hoje em dia eu dou preferência absoluta aos sebos e aos sites de leilão online (principalmente eBay, AbeBooks, Estante Virtual, e Mercado Livre) pois é fácil encontrar livros usados, baratos, em bom estado, e edições anteriores (que, como já expliquei, são praticamente idênticas às novas edições).

Portanto, NÃO TENHA MEDO DE COMPRAR EM SEBOS E LEILÕES ONLINE! São locais fantásticos para encontrar qualquer livro que você esteja procurando.

1.5. Medo de comprar diretamente no exterior

Dos sites que eu listei na seção anterior, três são americanos: o eBay, AbeBooks e Amazon. É perfeitamente possível comprar livros diretamente nesses locais e colocar o endereço de entrega aqui no Brasil: você só terá que pagar o frete (que não costuma ser barato, mas para isso vou falar uma solução adiante).

Livros, ainda bem!, NÃO PAGAM NENHUM IMPOSTO DE IMPORTAÇÃO e, portanto, a única coisa que você vai gastar além do preço do próprio livro, é o valor do frete. A Receita Federal já fez diversas tentativas de taxar livros que, ainda bem!, não prosperaram.

1.6. O problema do frete

Se você não encontrar aqui no Brasil os livros que você precisa, ou se encontrar os livros por preços absurdos, a melhor alternativa é ter paciência para procurar e comprar, diretamente no exterior, livros usados (de edições anteriores ou da atual) em sites de leilões e sebos online. Essa é a chave para comprar livros bons e baratos.

O único problema dessa estratégia é o custo do transporte: o frete aéreo de qualquer país para o Brasil é cobrado por peso e livros são bem pesados (prova de que o conhecimento tem massa!). Um livro de 500 páginas pode passar de 1 kg, dependendo da espessura das folhas e se tem capa dura. E o frete é de mais de US$ 18,00 por libra (aprox. 0,5 kg). Comprar apenas 1 ou 2 livros diretamente do exterior e enviar para o Brasil costuma não compensar pois a economia que você fará no valor do livro, gastará com o frete.

Mas existe uma solução! As empresas de REDIRECIONAMENTO DE CARGA. Falo sobre essas empresas a seguir.

2. Redirecionadoras de carga

Comprar um ou dois livros em sites americanos de leilões e sebos e enviá-los isoladamente para o Brasil não é financeiramente viável pois o frete é caro. A solução que eu encontrei para isso foi usar empresas de redirecionamento de carga e enviar vários livros de uma só vez!

Enviar vários livros de uma vez permite diluir o valor do frete entre os livros e, no final, ainda compensa comprar lá fora do que nas livrarias aqui (principalmente porque os livros que eu costumo comprar não estão prontamente disponíveis por aqui de qualquer maneira). Claro que você tem que fazer as contas mas em geral compensa (e muito!).

Existem várias empresas de redirecionamento de carga. Eu escolhi a empresa americana WeGet2U (algo como “nós chegamos até você”). O site dela é: https://weget2u.com:

Você pode pesquisar por “redirecionadoras” no Google para comparar as diversas empresas. Eu escolhi a WeGet2U pelos seguintes motivos:

  • Tive ótimas referências e, depois de meses como cliente, comprovei que realmente presta um serviço excelente;
  • Tem suporte em português aqui no Brasil, via e-mail e chat;
  • Tem preços razoáveis de frete;
  • Seus produtos podem ficar armazenados lá por até 90 dias sem custo;
  • O site é intuitivo e fácil de usar;
  • Você pode pagar pelos envios através de cartão de crédito, boleto ou TED; e
  • Se localiza na cidade de Portland, no estado do Oregon, onde não há imposto estadual para os serviços de logística do tipo que a WeGet2U presta e, portanto, ela não cobra esse imposto nos serviços de frete fazendo com que o preço dela seja menor do que as outras redirecionadoras que eu pesquisei.

Basicamente o processo com uma redirecionadora de carga funciona assim: você compra os livros em sites americanos (livrarias, leilões, sebos, etc.) e manda os livros para o endereço da redirecionadora. Quando todos os livros que você comprou estão lá, você cria um “pacote” e envia esse pacote com todos os livros para o Brasil. Você paga o frete pelo peso total do pacote (que é muito mais barato do que pagar fretes isolados para cada livro).

2.1. Como funciona uma redirecionadora de carga?

Obviamente tudo que eu falar aqui se aplica à WeGet2U pois é a única que eu conheço e uso, mas acredito que o processo é semelhante com qualquer outra empresa.

Em primeiro lugar você tem que se cadastrar e abrir uma “conta” no site da redirecionadora. Esse cadastro e abertura de conta é gratuito e você precisará enviar, pelo próprio site, a documentação para validar sua conta, ou seja, para provar quem é você, seu endereço correto, sua nacionalidade etc. Quando eu me cadastrei esse processo de validação demorou cerca de 48 horas.

Depois que seu cadastro está validado e sua conta está criada, você recebe um “endereço postal americano” para ser utilizado por você. Na realidade o endereço é o da própria sede da WeGet2U acrescido com o identificador de sua conta (chamado de “Suite Number”).

O “meu endereço” americano está na foto abaixo. É o endereço da sede da WeGet2U, acrescido do “Suite Number” que identifica minha conta (eu ocultei o Sute Number na foto abaixo):

De posse desse endereço americano agora é fácil: basta você comprar os livros que você quer (no eBay, AbeBooks ou Amazon) e colocar o seu endereço americano! Os livros serão entregues na sede da WeGet2U e vinculados à sua conta através do Suite Number. Simples assim!

Quando os livros chegam lá eles são pesados, fotografados e registrados em uma área chamada “Caixas Recebidas” (que é uma área de processamento inicial, antes de ficarem disponíveis). Aqui está uma parte do registro dos 49 livros que eu já recebi lá desde que comecei a comprar livros assim (ocultei informações de identificação):

Todos os livros que chegam lá são pesados, medidos e fotografados. Essa documentação fica disponível no site. A foto a seguir mostra o “Let’s Talk Lisp“, que eu comprei na AbeBooks, quando chegou na WeGet2U:

Os livros são pesados e medidos

Depois que os livros passam por esse processamento inicial eles são transferidos para o seu “Estoque” e podem ficar lá, gratuitamente, por 90 dias. Até o final desse prazo você deve enviá-los para o Brasil (ou então comprar mais tempo de armazenamento).

Aqui está o meu estoque atual: 11 livros que ainda não mandei para o Brasil:

Quando você quiser, basta escolher os livros do estoque e criar um “pacote” para enviar ao Brasil. Nesse momento você vai pagar pelo frete.

2.2. Como enviar os livros para o Brasil?

Quando você quiser enviar os livros para o Brasil, o processo é muito simples: você escolhe os livros que quer enviar e clica em um botão cujo nome, obviamente, é “Enviar”. Aí basta seguir as instruções do próprio site para definir como será o envio, que serviços adicionais você quer (por exemplo: embalar tudo em plástico bolha), preencher a declaração aduaneira etc.

Os envios que eu já viz para o Brasil estão aqui (claro, ocultei os códigos de identificação):

Já fiz 5 envios desde que comecei a comprar livros diretamente nos EUA utilizando os serviços da redirecionadora, e há um envio atualmente em processamento (aqueles livros que ainda estão no meu estoque). Também há 2 envios cancelados porque eu não estava entendendo como fazer o pagamento via TED (depois aprendi: pagamentos por TED ou boleto são feitos através de um banco aqui no Brasil).

A WeGet2U prepara cada pacote de acordo com suas instruções, fotografa e faz a cobrança do valor do frete. Vou mostrar os detalhes de um desses envios a seguir.

Esses são os livros que eu coloquei em um dos pacotes que eu enviei:

O pacote final preparado pela WeGet2U ficou assim (sim, eles fotografam e registram):

2.3. E o custo compensa? Sim!

Se você leu até aqui, deve estar curioso para saber se o custo compensa, não é? Bem, a declaração aduaneira e o valor do frete do pacote ilustrado acima estão aqui:

A declaração aduaneira especifica claramente que o conteúdo são livros usados, no valor de US$ 87,10. Esse é realmente o VALOR REAL total que eu paguei pelos 10 livros (comprei no AbeBooks e no eBay), ou seja, cada livro saiu em média por US$ 8,71, uma valor absolutamente irrisório se comparado ao preço de exemplares novos desses livros nas livrarias. Como livros não pagam imposto você não precisa ter medo de declarar o valor real.

O frete para 15,58 libras de peso foi US$ 125.57 (incluindo o custo de outras coisas extras que eu pedi como, por exemplo, colocar os livros em plástico bolha, colocar a caixa em plástico grosso impermeável, seguro contra perda, etc.).

No total, por esses 10 livros, eu paguei então US$ 212,67, aproximadamente R$ 1.100,00, ficando o custo médio por livro de US$ 21,27, aproximadamente R$ 110,00.

Vou repetir: eu comprei livros excelentes, em ótimo estado de conservação, perfeitos para estudo, que não são encontrados aqui no Brasil, pelo custo médio de R$ 110,00 por livro!

Vale a pena? Veja com seus próprios olhos: Um dos livros que eu recebi nesse pacote foi o “Statistical Models in S“. Aqui está o livro em minhas mãos:

Usado? Sim, mas em perfeitas condições para estudo! Agora: lembra que eu paguei R$ 110,00 por esse livro? Sabe qual é o preço desse livro se eu fosse comprar na Amazon? Veja abaixo (cuidado com o susto):

Sim, esse mesmo livro está sendo vendido na Amazon entre R$ 1.046,00 até R$ 6.726,00! A versão para Kindle (que não presta, é horrível de ler) está por R$ 686,70 (quase 7 vezes a mais do que eu paguei pelo livro físico).

Agora pense: isso ocorreu com os outros 9 livros também! Seria IMPOSSÍVEL eu comprar esses livros aqui no Brasil. Economizar mil reais durante meses para comprar esses 10 livros é difícil mas é possível; economizar mais de 14 MIL reais para comprar esses mesmos livros aqui no Brasil é impossível.

Eu preparei a tabela abaixo para que você tenha uma visão geral dos valores do frete da WeGet2U para o Brasil (o peso está em libras). Como você pode ver em amarelo, o melhor custo/benefício é uma caixa com 20 libras de peso (mais ou menos 10 kg), ou caixas acima de 47 libras de peso.

2.4. O custo SEMPRE compensa?

Não sei. Pelo menos no meu caso, para o tipo de livro que eu compro, o custo sempre compensou. O que eu preciso ter é paciência para comprar os livros aos poucos ou, então, paciência para juntar o dinheiro necessário e fazer uma compra mais rápida (mas não apressada!).

Eu não sei dizer se para o tipo de livro que você compra isso compensaria. VOCÊ PRECISA FAZER AS CONTAS: use a tabela de valor de frete acima e procure o preço e o peso dos livros que você quer no eBay e no AbeBooks. Depois basta fazer as contas e comparar com o que você gastaria se vosse comprar os mesmos livros aqui no Brasil.

2.5. Mas só quero 1 livro, compensa?

Não sei, você tem que fazer as contas. Talvez sim, talvez não. Uma alternativa, se o custo do frete de enviar um ou dois livros ficar caro, é juntar um grupo de amigos que precisa comprar livros e esse grupo mandar os livros juntos. Uma espécie de “vaquinha de frete literário”. Use a imaginação!

2.6. Quanto tempo demora para os livros chegarem no Brasil?

Todos os pacotes que já recebi aqui em casa demoraram entre 30 a 50 dias para chegar. Após você concluir o processo de envio no site da redirecionadora, o pacote costuma ser enviado em até 1 semana (a WeGet2U sempre fornece o código de rastreamente para acompanharmos a entrega).

Os processos mais demorados ocorrem aqui no Brasil: quando o pacote chega, é recebido pelos Correios. Os Correios demoram de 7 a 10 dias para enviar o pacote para a fiscalização aduaneira. O processo de fiscalização demora até 7 dias também. Depois da fiscalização e da liberação (livros não pagam impostos), o pacote é novamente recebido para os Correios que, enfim, ecaminham para nossa casa. Mais 10 a 20 dias de espera.

Ah! Você precisa se cadastrar no site dos Correios, na área de “importação”, para vincular seu CPF ao número de rastreamento internacional da encomenda. Não se preocupe, é um processo simples e bem explicado no próprio site dos Correios.

3. Minha receita de bolo para comprar livros

Por fim, vou detalhar aqui minha “receita de bolo” para comprar livros.

  1. Procuro primeiro nos sites das livrarias, para ter uma noção dos preços atuais (Livraria Cultura, Amazon Brasil, etc.);
  2. Depois eu procuro no Mercado Livre, OLX e Enjoei; já comparo o preço com o das livrarias;
  3. Busco na Estante Virtual; já vejo as opções disponíveis e comparo;
  4. Depois de estogar as pesquisas em sites brasileiros, vejo os americanos: pesquino na Amazon, no eBay e no AbeBooks.
  5. Depois de pesquisar em todos esses sites, preparo uma listinha comparativa com os preços dos livros, as edições, o estado dos livros, etc. É fundamental colocar nessa lista o PESO de cada livro para estimar o custo do frete. Se o peso do livro não estiver indicado, pergunte ao vendedor ou procure na internet.
  6. Depois que sua lista está pronta, é hora de começar a PECHINCHAR o preço nos sites de leilão e sebos: faça ofertas ao vendedor! Eu SEMPRE começo oferecendo de 20% a 40% do preço indicado, dependendo das condições do livro. Não tenha medo ou vergonha, é apenas uma oferta comercial! Todos os sites que eu listei acima permitem que você faça ofertas ao vendedor (alguns diretamente e outros por e-mail), então aproveite. A maioria dos vendedores faz uma contra-oferta (geralmente 80% a 90% do valor inicial), e aí é sua vez de rebater (geralmente ofereço 30% a 50%). E por aí vai. Você se surpreenderá com os descontos que pode conseguir!
  7. Depois de pechinchar e descobrir os menores preços que você pagaria, é hora de decidir onde comprar. FAÇA AS CONTAS do custo do frete se for comprar nos sites americanos, some com o valor pechinchado dos livros, e veja se vale a pena. Se valer pena, compre nos EUA, mande entregar na redirecionadora e, de lá, faça um pacotão e mande para o Brasil. Se não valer a pena, compre o mais barato que você conseguiu aqui no Brasil.
  8. Se depois de pechinchar você ainda acha que não conseguiu um preço justo, tenha paciência: não compre nada agora e refaça a pequisa em 30 ou 60 dias. Já aconteceu várias vezes comigo o seguinte: depois de pechinchar e não conseguir um bom preço, eu desisti da compra; 30 ou 60 dias depois, ao repetir a pesquisa de preços, eu percebi que o mesmo livro do mesmo vendedor ainda não tinha sido vendido: nessa situação eu reinicio as negociações oferecendo um valor inicial MENOR do que eu tinha oferecido antes, pois agora eu sei que o livro está “encalhado”; e o vendedor acaba aceitando um valor menor do que eu pagaria da primeira vez! Todo mundo ganha: eu, porque consegui um desconto maior ainda; e o vendedor, porque conseguiu desencalhar o livro.

Enfim, minha a receita é essa: pesquise os preços em TODOS os sites que eu indiquei, faça uma lista comparativa, negocie o preço, verifique o valor do frete, FAÇA AS CONTAS e escolha comprar aqui no Brasil ou nos EUA.

Um último lembrete: alguns sites de leilão, como o eBay, têm uma ferramenta específica para fazer uma oferta ao vendedor. Cuidado com isso pois essas ferramentas são vinculantes, ou seja, se você fizer uma oferta e o vendedor aceitar, você é obrigado a pagar e comprar. Se você estiver inseguro ou não tiver experiência com sites de leilões, ao invés de usar essas ferramentas, mande primeiro um um e-mail para o vendedor.

Boa leitura!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *